h1

O Coração ou a Monografia e as crianças

abril 3, 2009

 O coração também é um metafísico:
Estremece por formas invisíveis,
Anda a sonhar uns mundos encantados,
E a querer umas coisas impossíveis…

Tobias Barreto
(1839-1889)

Inspirado nas palavras de Tobias Barreto, encontro-me pensando sobre minha monografia. O que querem de mim os cientistas sociais? Em breve, recebo o título de bacharel em Relações Internacionais.

A arte de elaborar uma boa monografia assim me parece:

Imagine uma criança. Ela vai a uma festa.
De praxe, a mãe ou pai dessa criança ajuda na colocação da sua roupa e na preparação para encontrar amigos, familiares e conhecidos.
A situação começa a complicar-se quando a criança – pronta para a festa -, ouve o seguinte:

“-Olha, agora você fica aí. Não se suje que agora eu vou me arrumar. ok?!“.

A criança está perdida. Não sabe que é praticamente impossível não se sujar.
Mesmo imóvel, estática, algo acontece e… pronto, a roupa não está mais limpa.

O pânico começa como uma ebulição. Ela sabe que seus pais ficarão decepcionados.
A peça de roupa foi escolhida especialmente para aquela festa.
Pobre criança, ainda que a falta não tenha sido sua. Esperavam dela zelo suficiente, atenção e maturidade para permanecer por alguns instantes que fossem, limpa.

A monografia assim é. Esperam um projeto limpo, impecável. Sem qualquer subjetividade afora a escolha do tema.

Academia cruel, contudo, coerente (?).

Mas, pergunto eu, não há modo de permanecer subjetivo enquanto exploro os caminhos científicos?

Em razão das questões ontológicas, metodológicas e epistemológicas protegidas por eles, acredito já saber a resposta.

xxx

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: