h1

A importância da Guerra dos 30 Anos para as Relações Internacionais

setembro 30, 2008

No início do século XVII, a Espanha, a França, a Inglaterra e a Holanda disputavam entre si a hegemonia da Europa. As guerras eram uma forma de afirmação e pelo uso das armas, o Estado assegurava o domínio de seu território e de suas colônias, consolidava o controle de rotas comerciais e garantia sua influência em lutas dinásticas.
O primeiro conflito a eclodir foi a Guerra dos 30 Anos (1618-1648), que foi provocada por problemas religiosos e políticos. Girou em torno dos Habsburgos, da Áustria, e dos Bourbons, da França. A causa imediata da guerra foi a tentativa do Imperador do Sacro Império Romano-Germânico de fazer com que a coroa coubesse a um parente. A dinastia dos Habsburgos procurava impor o absolutismo e a religião católica a seus súditos do Sacro Império Romano-Germânico Os príncipes protestantes, organizados na Liga Evangélica, revoltaram-se e foram derrotados. A Alemanha, a Dinamarca e a Suécia entraram na guerra contra a agressão austríaca, mas com a segunda intenção de expandir seus próprios domínios. A França e seus aliados saíram vencedores e a paz foi restabelecida pelo Tratado de Westfália, que confirmou a posse pela França de territórios alemães.
Como conseqüência dessas mudanças foram lançadas as bases de ácidas disputas internacionais no futuro. Para evitar que outros conflitos como esse ocorressem, seria preciso seguir o conceito de SOBERANIA, que consiste em fazer com que cada Estado faça valer dentro de seu território as suas decisões, e tenha poder de organizar-se juridicamente sem intervenção externa, ou seja, é a base do principio de igualdade soberana de Estados independentes (equilíbrio de poder).

xxx

5 comentários

  1. Interessante a análise da Guerra partindo da ótica Realista de TRI. Muito interessante o seu texto, mesmo tão sucinto, traz uma boa visão, clara e objetiva, do que foi a Guerra dos 30 anos.
    Infelizmente algumas das decisões criadas pelo Tratado de Westfália acabaram por servir de justificativas para o levante Nazista no século XX. Mas isso é outra história.
    Parabéns pelo Blog.


  2. Exatamente, Roberto. O TRATADO DE WESTFÁLIA, ao ceder territótio de posse alemã aos franceses, causou nos primeiros sentimento de impotência, que, no futuro, culminou no movimento nazista liderado por Adolf Hitler.


  3. Acho que o trecho carece mais informacao sobretudo a bibliografia sera essa informacao foi apanhada ao ar


  4. Estimado Alberto,

    A maioria dos textos que se encontram aqui foram criados durante as aulas na faculdade, são portanto ‘notas de aula’. Além disso, algumas vezes o material vem de ‘notas de estudo’. Meu método de estudo consiste em escrever, escrever, escrever… Um dia resolvi criar o site e publicar aqui!

    “Nada se cria, nada se perde, TUDO se transforma”


  5. amei.muito bom.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: